Atual

Alcobaça. E se quisesse alugar o Mosteiro para jantar?

IMG_0184

O Regulamento de Utilização de Espaços nos serviços dependentes da Direção Geral do Património Cultural (DGPC), cuja revisão foi anunciada, no passado dia 12 de novembro, pelo Governo, já não é nova e foi aprovada pelo despacho n.º 8356, de 27 de junho de 2014. Neste estabelece a possibilidade de realização de eventos desde que “compatíveis com os seus valores histórico/patrimoniais”.
O caso do jantar da Web Summit no espaço central do Panteão Nacional, junto aos túmulos de Amália, Eusébio, Sophia de Mello Breyner Andresen ou de Almeida Garrett, do passado dia 10 de novembro, veio de novo levantar a questão: deve-se ou não ceder determinados espaços nos monumentos nacionais para realização de eventos e para que tipo de eventos.
É à Direção-Geral do Património Cultural que cabe o papel de decidir, após parecer dos serviços dependentes, a oportunidade e interesse da cedência, bem como as respetivas condições a aplicar. Eventos que podem ser banquetes, receções, conferências, recitais de música ou poesia, lançamento de livros, atos solenes, atividades de índole cultural, mostras, exposições. Usos para os quais 23 monumentos do país, incluindo os Mosteiros de Alcobaça e Batalha podem ser cedidos, a preços que variam entre os mil e os quarenta mil euros. Por exemplo, se quiser organizar um jantar no Dormitório do Mosteiro de Alcobaça, o espaço, com capacidade para 1000 lugares sentados e 1500 lugares em pé, anda pelos três mil euros, descendo para os mil e quinhentos se for no Claustro da Hospedaria ou no Celeiro.
No Mosteiro de Alcobaça, as salas que podem ser cedidas são a Sala do Capítulo, o Dormitório, a Sala dos Monges, a Cozinha, o Refeitório, o Claustro da Portaria, o Claustro da Hospedaria, o Celeiro (com ou sem tenda), a Capela do Desterro e a Galeria de Exposições.

Dormitório
Lotação máxima
Lugares sentados: 1000
Lugares em pé: 1500
Custo: 3.000€
Cozinha
Lotação máxima
Lugares sentados: 0
Lugares em pé: 100
Custo: 2.000€
Refeitório
Lotação máxima
Lugares sentados: 400
Lugares em pé: 600
Custo: 2.600€
Claustro
da Portaria/Claustro da Hospedaria/Celeiro Lotação máxima
Lugares sentados: 100
Lugares em pé: 200
Custo: 1.500€
(Celeiro + tenda: 2.500€)
Galeria de Exposições temporárias
Lotação máxima
Lugares sentados: 500
Lugares em pé: 750
Custo: 3.000€

(Saiba mais na edição em papel e digital de 16 de novembro de 2017)

Outras notícias em Atual