Atual

Mérito. Melhores alunos do 12º ano revelam segredos de bons resultados

alunos

Alcobaça

Inês Louro, 18 anos, obteve a melhor classificação do Agrupamento de Escolas de Cister – Alcobaça e de todo o concelho, tendo terminado o 12º ano na Escola Secundária D. Inês de Castro (ESDICA) com 19 de média final, a média que figura na sua ficha ENES (classificação final de ensino secundário para efeitos de acesso ao ensino superior). Um resultado que a jovem, que aspira a ser médica desde pequena, afirma ser mais simples de obter do que as pessoas pensam.  José Silva, de 17 anos, que obteve a segunda melhor média do concelho, 18,7 valores, tal como Inês também quer seguir ciências.

Benedita

António Maximiano, 17 anos, com 18,6 valores, teve a melhor média do Externato Cooperativo da Benedita, resultado que considera ser trabalhoso, “independentemente da área de estudo. Ao contrário do que alguns alunos pensam ter bons resultados não é tanto uma questão de capacidades, mas sim de encontrar um método de estudo adequado. Laura da Costa e Rita Pestana, ambas com 18 anos e com a segunda melhor média do Externato Cooperativo da Benedita, 18,5 valores, querem seguir as áreas de Matemática. Laura quer estudar Matemática Aplicada e Computação e Rita Engenharia, ao que acresce ainda a vontade de ingressar numa orquestra onde possa continuar a tocar violino.

São Martinho do Porto

Sofia do Rosário, 18 anos, do Agrupamento de Escolas de São Martinho do Porto (AESMP), terminou o 12º ano com média de 18,3 valores. “Um resultado que se deve ao trabalho, persistência e determinação, mas também a ser-se organizado e encontrar ainda tempo para a família e os amigos”. Catarina do Couto, 18 anos, foi a segunda melhor aluna do AESMP. Com média de 16,5 valores, quer seguir o curso de Ciências Farmacêuticas: “é um curso abrangente dentro da área de que gosto”.

(Saiba mais na edição em papel e digital de 27 de julho de 2017)

Outras notícias em Atual