Atual

Mosteiro. Três universidades estudam códices alcobacenses

IMG_9695_capa

O projeto de investigação “Horizontes cistercienses”, que tem os códices do Mosteiro de Alcobaça como caso de estudo, foi selecionadara financiamento da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, recebendo 235.110,55 euros. O projeto, que terá a duração de 3 anos, está sediado no Instituto de Estudos Medievais da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, em colaboração com o REQUIMTE, um centro de investigação da Faculdade de Ciência e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, e com o Laboratório HERCULES da Universidade de Évora. Entretanto, está a decorrer até 11 de setembro um concurso internacional para um investigador doutorado para o exercício de atividades de pesquisa no âmbito do projeto, cujos candidatos deverão possuir grau de doutor em História Medieval.
Os livros manuscritos ou códices do Mosteiro de Alcobaça, atualmente à guarda da Biblioteca Nacional de Portugal, em Lisboa, são documentos produzidos pelos monges de Cister nos quase sete séculos da Ordem no Mosteiro de Alcobaça.

(Saiba mais na edição de 6 de setembro de 2018)

Outras notícias em Atual