Vida

25 de Abril. Festejar o “Dia da Liberdade” com liberdade condicionada

Principal vida

“Comemorámos Abril na varanda da nossa casa para que o dia da liberdade ecoasse pelas ruas, praças e avenidas. Apesar do mau momento pelo qual passamos, Abril tem que ser sempre o ponto de partida e de chegada das respostas que teremos que construir”. As palavras são de Ana Hilário. A historiadora nazarena revelou a’O ALCOA, que foi assim, à varanda da sua casa, com a sua filha Alice ao colo e uma faixa a dizer “25 de Abril sempre”, que assinalou esta data, cumprindo as recomendações de confinamento.
Em Valado dos Frades, as habituais músicas de abril, que costumavam encher, a 24 de abril, a sala da Biblioteca de Instrução e Recreio e a distribuição de cravos à meia-noite, deram lugar a uma coroa de cravos colocada pela junta de freguesia, à varanda da instituição. Cumprindo as recomendações de distanciamento social e de recolhimento, esta foi a forma que a junta de freguesia encontrou, para assinalar a data.

 

Saiba mais na edição impressa e digital de 30 de abril de 2020.

Outras notícias em Vida