A família e o Natal em tempos de pandemia

Caro leitor, cara leitora:
Com as medidas propostas para o nosso Natal, pensar e reorganizar o Natal em família é indispensável.
Quase que precisamos de um kit básico de sobrevivência para todos estes novos desafios familiares que temos vindo a enfrentar.
A distância, as normas e as regras impostas têm sido exigentes e até as pessoas mais tolerantes já se sentem desagastadas. Talvez o “boost” para enfrentar o que ainda não terminou, seja uma (pequena) dose de comemorações. Não me refiro a festas nem a aglomerações de pessoas, de todo. Mas talvez pequenos encontros familiares com a distância e proteções recomendadas, representem uma lufada de ar fresco para todos. É evidente que não vamos desperdiçar todo o esforço que tem sido feito até então com meia dúzia de beijos e abraços – nem se recomendaria tal atitude. Contudo, é importante celebrar não só as festividades para quem as celebra tradicionalmente, mas o amor que existe dos que nos rodeiam e a gratidão que devemos sentir em passarmos mais um ano, rodeados de tanta coisa boa.
Com a família presente ou não na mesa de Natal, acredito que este ano lhe trouxe algo de bom, estarei correta?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found