Agenda Cultural

Festival Novo Palco – Abismo

31 Out | 21h30 | Cine-Teatro de Alcobaça João D’Oliva Monteiro

541249642f42e453bf05d4678f619777-large

Por vezes caímos em abismos criados por nós mesmos, barreiras que nos impedem de chegar ao nosso objetivo ou a palavras e olhares. “ABISMO” é sinopse de si mesmo: palavras que caíram em esquecimento ou vidas que se querem agarrar à escarpa do precipício. É um “eu” que se reflete em todos nós e em histórias documentadas trazidas para palco. Um salto de fé autobiográfico que se esconde por detrás de entrevistas. O abismo baseia-se numa ideia de perspetiva, se virado ao contrário, tornar-se-á montanha.

Foi com a leve brisa de vento ao final da tarde – mas mesmo ao final da tarde!
No ar: a melodia dos acordes de uma guitarra elétrica.
Há um pombo que esvoaça,
E a três metros de distância, seguindo o anterior, um outro que bate as asas.
_____
A-Bis-Mo. Do latim abyssus. Abismo rima com: sebastianismo, idealismo, fanatismo, mecanismo, reumatismo, patriotismo, heroísmo, socialismo, realismo, sismo, ismo, ismo, ismo, ismo, ismo, ismo…
O dicionário Priberam descreve abismo como:
1. Grande profundidade que se supõe insondável e tenebrosa.
_____
Para quem estou a falar?
De nada adianta… O teu peito vai explodir de uma forma ou de outra…
_____
Um livro de braille.
É em vão o esforço de ler um livro de braille se não souberes descodificar os relevos. É uma comparação poética, mas inútil. Há livros sem contracapa. Aqui, deixaram de se fabricar há muito tempo.
_____
Em caligrafia antiga:
Entre o que eu penso, o que quero dizer, o que digo e o que tu ouves, o que tu queres ouvir e o que achas que –
_____
Rapidamente a ponta do lápis parte-se. Uma nova história começa…

“A nossa sociedade ocidental contemporânea, apesar do seu progresso material, intelectual, dirige-se cada vez menos para a saúde mental, e tende a sabotar a segurança interior, a felicidade, a razão e a capacidade de amor no ser humano; tende a transformá-lo num autômato que paga o seu fracasso com as doenças mentais cada vez mais frequentes e com o desespero oculto sob um delírio pelo trabalho e pelo chamado prazer.” Aldous Husley

Ficha Técnica:
Elenco: Fábio Dias, Francisco Carmo, Isamara Coutinho, Josefine Winkler, Lívia Dias e Marisa Santos;
Técnica e desenho de luz: Ricardo Jerónimo e Nuno Duarte;
Sonoplastia: Bruno Scardini e NEXT LEVEL PRODUCTIONS;
Cenografia: Francisco Carmo e Hélder Ferreira;
Figurinos: Guilherme Machado, Josefine Winkler;
Encenação e direção técnica: Fábio Dias e Lívia Dias;
Design Gráfico: João Cabaço
Divulgação: Leonor Távora;
Produção: ALA D’ARTISTAS;
Agradecimentos: Câmara Municipal de Alcobaça, Cine-Teatro de Alcobaça João D’Oliva Monteiro, Momenthus, D’CORPO & ALMA, ESAD.CR;
Parceiros: SHOOT IN THE DARK, Tommy Cosmos, NEXT LEVEL PRODUCTIONS.

Música:
O espetáculo “ABISMO” tem a colaboração de Bruno Scardini e da produtora musical NEXT LEVEL PRODUCTIONS que compõem parte da sonografia com obras originais da sua autoria.

 

Preço do Bilhete: 5 euros | M/12
Duração: 130 minutos (intervalo de 10 minutos)

Outros eventos