Alcobaça. O andebol é para todos

Entre as 14h00 e as 15h30, as tardes de quarta-feira de alguns utentes do Centro de Educação Especial, Reabilitação e Integração de Alcobaça (CEERIA) são passadas no Pavilhão da Escola D. Pedro I, a praticar andebol adaptado. A treinadora, Isabel Carolino, diz que esta modalidade é “igual ao andebol regular, mas mais simplificado”.

A iniciativa partiu da direção da Cister Sport de Alcobaça já há cinco anos, em fevereiro de 2014, e foi posteriormente endereçado o convite ao CEERIA, que aceitou participar. Isabel Carolino recebeu a proposta para que liderasse estes treinos, coisa que deixou a treinadora reticente de início, mas que acabou por aceitar. Com idades entre os 17 e os 44 anos, 18 utentes do CEERIA, acompanhados pelo professor Bruno Oliveira e uma aluna do Externato Cooperativo da Benedita, marcam presença para treinos de andebol, nos quais aprendem a modalidade e a “lidar com as capacidades de cada um”, explicou a treinadora.

(saiba mais na edição 4 de abril de 2019)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found