Alcobaça. Ópera Café junta arte e gastronomia no Arco de Cister

Catarina Reis
Jornalista

Um espaço que combina a gastronomia com a arte. É o que promete o “Ópera Café”, em Alcobaça, um projeto dos contratenores Luís Peças e João Paulo Ferreira, que está a nascer no “Arco de Cister”, um dos dois arcos que, desde o séc. XVI faz ligação entre dois espaços da antiga área circundante do Mosteiro de Alcobaça, hoje entre a Praça da República e a Praça D. Afonso Henriques.
Atuando habitualmente naquele lugar desde que deixaram de o fazer no Mosteiro, “foi precisamente aí que começámos a desenhar esta ideia”, contou a’O ALCOA Luís Peças. Sob este arco, uma obra de arte arquitetónica que pertenceu à Ordem de Cister, que se instalou em Portugal em meados do século XII, encontra-se um amplo espaço que se integrava no edificado do antigo “armazém multiusos” do mosteiro, defendem, onde guardariam, até 1834, mercadorias destinadas ao abastecimento de víveres – cereais, frutas, entre outras – do Mosteiro de Alcobaça.

Saiba mais na edição impressa e digital de 9 de junho de 2021.

Catarina Reis
Jornalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found