Atual

Assembleia. CDS e CDU aprovam moção para livre acesso a igreja do mosteiro

Atual_Adelino Granja Bloco Esquerda

Depois da tomada de posição por iniciativa do Partido Socialista na Comunidade Intermunicipal (CIM) do Oeste, o CDS/PP de Alcobaça apresentou uma moção na sessão ordinária da Assembleia Municipal de Alcobaça “para a manutenção da abertura da porta principal do Mosteiro e da Igreja de Santa Maria de Alcobaça, nos moldes e horários em que hoje se realiza, independentemente dos circuitos de entrada e saída que a Direção e a DGPC venham a estabelecer”. A proposta foi aprovada com os votos do CDS/PP e da CDU, tendo votado contra cinco elementos do PSD: Raul Duarte e Fernando Vitorino e presidentes de Junta de Turquel, Jorge Honório; de Alfeizerão, Leonel Ribeiro; e de Álvaro Santo, de Coz, Montes e Alpedriz.

(Saiba mais na edição digital e impressa do jornal O ALCOA de 16 de maio de 2019)

 

BE questiona Ministério da Cultura no Parlamento

No seguimento do comunicado que o Bloco de Esquerda (BE) fez chegar à comunicação social e que O ALCOA publicou na íntegra, os deputados deste partido político questionaram Ministério da Cultura com base nas alegações contra a Igreja de Alcobaça. “Considera o Governo que a paróquia de Alcobaça e os seus atuais responsáveis reúnem condições para continuar a ter acesso autónomo às instalações do Mosteiro de Alcobaça?” foi uma das questões colocadas à tutela.
Adelino Granja enumerou no Facebook quem esteve na “visita bem guiada por Ana Pagará”, “tendo o BE registado matéria para em sede parlamentar levar ao conhecimento da tutela”. Relativamente ao teor e autoria das alegações que a Igreja de Alcobaça reputa de difamatórias, Carlos Bonifácio, eleito pelo CDS/PP, confrontou nas redes sociais Adelino Granja e Manuel Canelas com as suas publicações sobre o encontro com Ana Pagará. O vereador publicou, num comentário de resposta a Adelino Granja, num grupo com milhares de membros no Facebook, uma captura de ecrã que ilustra as fotografias da visita e as declarações feitas na rede social por membros do BE local.

(Saiba mais na edição digital e impressa do jornal O ALCOA de 16 de maio de 2019)

 

 

Outras notícias em Atual