Atividades extracurriculares continuam a dar que falar no concelho

As Ativividades Extracurriculares (AEC’s) no concelho de Alcobaça continuam a dar que falar, com professores com ordenados em atraso desde 2010.
“Esta situação em nada preocupa os demais, pois somos máquinas, que nos temos que desdobrar, fazer corridas contrarrelógio, para nos deslocarmos de um lado para o outro”, indigna-se um dos profissionais nesta situação. “Não importa se temos dinheiro para o combustível, importa sim é assegurar a aula; importa sim, é entrar a sorrir na escola, mesmo que não tenhamos dinheiro nem para almoçar, importa sim representar empresas que nos exploram”, acrescenta. “A culpa não é das empresas, mas sim de um mecanismo de interesses que está por trás; a culpa é sim do Ministério da Educação, que coloca professores em situações precárias porque somos professores qualificados e com vontade e fome de trabalhar”, defende. Quanto às razões deste atraso o que é dito “é sempre o mesmo: ou porque a câmara não pagou, ou por razões burocráticas ou simplesmente não nos dão razão nenhuma”.

 

(Saiba mais na edição em papel de 18 de setembro de 2014)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found