Autores da região integram coletânea de poesia

Foto por Catarina Reis

Já chegou às bancas o primeiro volume da antologia de poetas lusófonos contemporâneos, “Perdidamente”, editado pela Pastelaria Studios Editora, do grupo Múltiplas Histórias. Dos 2000 escritores aceites, foram escolhidos 300, da qual fazem parte os autores: Agnelo Ferreira, António M. Catarino, Donzel do Mar, Fernando Paula Barroso, Gina Pereira, Glória Marquês, Graça Silva, Luís Crisóstomo, Maria Amélia Cordeiro, Maria Helena Mateus, Maria Rosa Freire, Marta Luís, Mary Bento, Natércia Inácio e Rosa Mira; 15 poetas do concelho de Alcobaça e os escritores Helder Morrison e Raquel Calvete, dos Amigos das Letras. Deste grupo, houve ainda uma atribuição de prémios aos 5 melhores. A escritora Marta Luís foi uma das premiadas que se manifestou «perdidamente» feliz com este reconhecimento. “Um dos mais emocionantes momentos”, referiu a autora.
“Uma colectânea que vale pelo grupo que nela participa, não pelo individual mas pelo colectivo”, refere Fernando Barroso. Para Rosa Mira, a obra representa “a união de uns que vão puxando pelos outros”. “Um equilíbrio em se escrever regularmente, porque escrever faz parte da vida e porque sozinho não se vai a lado nenhum”, sublinha Natércia Inácio.
Uma união e uma paixão pela escrita que seguramente não ficará por aqui.

2 respostas

  1. Parabéns a todos,…

    Particularmente pelo vosso lema,… é totalmente inspirador!…
    “A união de uns que vão puxando pelos outros,… e porque sozinho não se vai a lado nenhum!”

  2. E admiravel, a forma como este grupo se completa, tanto na escrita, como no relacionamento. A união faz a força e esta força é uma POTENCIA. Parabéns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found