Atual

Benedita. Nova Marcha Lenta no IC2 marcada para 6 de março

hip1_cmyk

O Movimento da Marcha Lenta do IC2 decidiu hoje, 9 de janeiro, realizar uma nova marcha lenta no IC2, no dia 6 de março. Segundo avançou José Belo, um dos responsáveis por este movimento, a’O ALCOA. “Este novo protesto surge porque apesar das promessas, da Infraestruturas de Portugal de adjudicar a obra, até final de 2019, para ser executada em cerca de 400 dias, nada se fez entretanto” sublinha José Belo acrescentando “e já se verificaram mais mortes e dezenas de acidentes”. É com este sentimento de revolta, mas também de dever e de obrigação que decidiram avançar com uma nova marcha lenta, notando que “será muito maior, que a de 12 de julho de 2019 e que terá muito mais grupos, como a comissão de utentes do IC2 que se irá juntar a nós e a todos os que queiram”.

Relembre-se que, em resposta enviada à Câmara Municipal de Alcobaça, em agosto de 2019, a Infraestruturas de Portugal comprometia-se a realizar a empreitada de beneficiação designada “IC2 /EN1 – Beneficiação entre Asseiceira (km 65 +200) e Freires (Km 85+500); um investimento de 7,5 milhões de euros, prazo de execução de 450 dias e execução prevista para 2020/2021, tendo ainda sido considerado com referência o primeiro semestre de 2020 para início da obra”.

(saiba mais na edição de 23 de janeiro)

Outras notícias em Atual