Educação

Escola. Agrupamento de São Martinho pede doações e voluntários para mitigar infoexclusão

captura-de-ecracc83-2020-04-10-as-15-00-43

A 14 de abril, as campainhas que anunciam os toques de entrada e de saída das aulas, voltaram a tocar, mas as escolas continuam vazias. Com os alunos a terem aulas a partir de casa, com o auxílio da televisão ou da internet. Meios que poderão não estar ao alcance de todos. A infoexclusão, isto é, a impossibilidade de aceder a estes meios na atual situação de ensino à distância preocupa Luísa Sardo, a diretora do Agrupamento de Escolas de São Martinho do Porto: “os alunos que não têm acesso à internet e/ou não têm equipamentos informáticos são efetivamente a situação mais preocupante, pois estão sujeitos a um duplo isolamento: o presencial e o digital”.

 

Saiba mais na edição impressa e digital de 16 de abril de 2020.

Outras notícias em Educação