Impasse. Condições de ruas na Maiorga causam apreensão entre a população

Muito trânsito, alta velocidade e falta de segurança para os peões. Foram estes os motivos que levaram os maiorguenses e a própria Junta de Freguesia da Maiorga a unirem-se e realizar um abaixo-assinado para que em algumas ruas da Maiorga se coloquem lombas e passeios. O assunto, embora já muito contestado, nunca teve desenvolvimentos e, diz quem lá vive, que se tem tornado cada vez pior. O simples facto de atravessar, andar a pé na estrada ou até mesmo sair de casa são atos difíceis para a população maiorguense, que em muitos casos têm as casas junto à estrada. A rua 1.º de Dezembro, o cruzamento entre esta e a rua Professor Bernardo de Almeida, e a rua 25 de Abril estão no centro deste assunto, sendo considerados locais perigosos para a segurança da população.

Sérgio Rocha, presidente da junta de freguesia, afirma que é a câmara quem gere e pode alterar esta situação, tendo já apelado várias vezes para a colocação de lombas e sinalização adequada e necessária, mas sem sucesso.

Saiba mais na edição impressa e digital de 14 de outubro de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found