Literatura. “O menino vai sempre à baliza”, de Filipe Oliveira, sensibiliza para o problema da obesidade infantil

Filipe Oliveira, nutricionista de 29 anos, lançou em junho a sua primeira obra: “O menino vai sempre à baliza”. O livro conta a história do Francisco, “um adolescente que sofrera com o seu estado de obesidade junto dos colegas e que, após várias histórias embaraçosas, decide mudar o seu estilo de vida”, refere a sinopse do livro. O livro fala assim deste “exemplo de superação e consciência da importância de se ter uma alimentação saudável e de praticar exercício físico diariamente”.
O ALCOA foi saber mais sobre esta “história” e deste profissional, que colabora regularmente e há vários anos com o nosso jornal, através de artigos onde aborda questões sobre a alimentação, os alimentos e como ter um estilo de vida saudável e equilibrada.

Como surge a ideia do livro “O menino vai sempre à baliza”?
A escrita esteve sempre presente ao longo dos anos na minha vida e, após presenciar alguns episódios de discriminação, relativamente à obesidade infantil, onde trabalho, decidi escrever a história do Francisco.

É o seu primeiro livro?
É o meu primeiro livro. Considero um desafio da minha carreira profissional e mais uma meta alcançada no meu percurso.

O que retrata a obra?
O livro retrata as histórias de muitas crianças. Este é apenas um exemplo de vivência que todos nós já passámos e/ou tivemos conhecimento. Assim sendo, o principal objetivo passou por abordar estas temáticas de uma forma leve, mas ao mesmo tempo impactante, por forma a sensibilizar o leitor para a temática abordada.

Qual a principal mensagem da obra?
As principais mensagens do livro são: a importância de ter um estilo de vida saudável e equilibrado, bem como a importância de gostarmos de nós próprios e de fazermos mudanças em prol do nosso bem-estar, sem prejudicar os outros.

Onde se pode adquirir o livro?
O livro será dinamizado nas instituições particulares de solidariedade social onde trabalho (Famalicão da Nazaré, Benedita, Santa Catarina e São Mamede). E poderão adquirir ainda o livro na livraria Hupapel, em Benedita, e na Papelaria Cartilha, em Alcobaça.

Saiba mais na edição impressa e digital de 24 de junho de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Sem-título-1

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

Porto de Mós. O projeto do baile dos pastorinhos

08 Mai | Sáb | 09:00

Leiria. O festival de música

15 Mai | Sáb | 19:30

Teatro José Lúcio da Sílvia, Leiria

Porto de Mós. Caminhada nas Minas da Bezerra e Serra da Pevide

08 Mai | Sáb | 09:30

Serra de Aire e Candeeiros, Porto de Mós

Caldas da Rainha. A exposição da ESAD

06 Mai | Qui | 09:00

ESAD, Caldas da Rainha

Leiria. Conferências de saúde, de economia e de ambiente

05 Mai | Qua | 14:30

Teatro Miguel Franco, Leiria

Alcobaça. Biblioteca convida à conversa com…

10 Abr | Sáb | 11:00

online