Município de Alcobaça inicia novos alcatroamentos em junho

No seguimento da política de requalificação da rede viária do concelho de Alcobaça, o município irá iniciar em junho um novo programa de alcatroamentos que representa um investimento na ordem dos 400 mil euros.
“Estamos a dar sequência a uma das nossas grandes prioridades para o concelho que é o de garantir total conforto e segurança nas estradas municipais”, explica o presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, Paulo Inácio. “Já investimos mais de um milhão de euros na requalificação das nossas vias pelo que tudo faremos para melhorar as condições de circulação automóvel quer para os munícipes quer para as empresas”, lembra o edil.
Os trabalhos serão realizados nas seguintes vias:
Vimeiro- Pavimentações na Rua Estrada da Portela
Alfeizerão- Pavimentações no Valado de Santa Quitéria: Rua da Escola Velha; Rua Vale Simão; Rua de Baixo e Rua João XXI
São Martinho do Porto- Pavimentações no Loteamento Fortunato Casal Andrade: Rua D. Afonso III; Travessa D. Dinis I; Travessa D. Pedro I e Travessa D. Afonso IV.
Benedita- Pavimentações na Ribafria: Rua de São Bernardo
Coz- Pavimentações na Ribeira do Pereiro: Rua Rio da Lama
Alcobaça e Vestiaria- Pavimentações nos Casais da Vestiaria: Rua da Camila Pavimentações em Alcobaça: Rua Bernardo Correia de Almeida e Rua Afonso Albuquerque
Cela- Pavimentações na Bica: Rua da Mata; Rua do Marco; Rua do Outeiro; Beco Santo André
Aljubarrota- Pavimentações em Longras: Rua das Longras Pavimentações em Chiqueda: Rua Quinta das Freiras
Turquel- Pavimentações diversas no Poço das Vinhas e Turquel
Pataias- Pavimentações diversas na Martingança e Pisões

4 respostas

  1. Município de Alcobaça inicia novos alcatroamentos em junho

    No seguimento da política de requalificação da rede viária do concelho de Alcobaça, o município irá iniciar em junho um novo programa de alcatroamentos que representa um investimento na ordem dos 400 mil euros.
    “Estamos a dar sequência a uma das nossas grandes prioridades para o concelho que é o de garantir total conforto e segurança nas estradas municipais”, explica o presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, Paulo Inácio. “Já investimos mais de um milhão de euros na requalificação das nossas vias pelo que tudo faremos para melhorar as condições de circulação automóvel quer para os munícipes quer para as empresas”, lembra o edil.
    Os trabalhos serão realizados nas seguintes vias:
    Vimeiro- Pavimentações na Rua Estrada da Portela
    Alfeizerão- Pavimentações no Valado de Santa Quitéria: Rua da Escola Velha; Rua Vale Simão; Rua de Baixo e Rua João XXI
    São Martinho do Porto- Pavimentações no Loteamento Fortunato Casal Andrade: Rua D. Afonso III; Travessa D. Dinis I; Travessa D. Pedro I e Travessa D. Afonso IV.
    Benedita- Pavimentações na Ribafria: Rua de São Bernardo
    Coz de Alpedriz – Pavimentações na Ribeira do Pereiro: Rua Rio da Lama até ETAR de Alpedriz/Pataias
    Alcobaça e Vestiaria- Pavimentações nos Casais da Vestiaria: Rua da Camila Pavimentações em Alcobaça: Rua Bernardo Correia de Almeida e Rua Afonso Albuquerque
    Cela- Pavimentações na Bica: Rua da Mata; Rua do Marco; Rua do Outeiro; Beco Santo André
    Aljubarrota- Pavimentações em Longras: Rua das Longras Pavimentações em Chiqueda: Rua Quinta das Freiras
    Turquel- Pavimentações diversas no Poço das Vinhas e Turquel
    Pataias- Pavimentações diversas na Martingança e Pisões

  2. A estrada que liga o acipreste ao casal dos ramos e arredores, bem que também merecia ser contemplada, está uma pequena vergonha e a dar muita saude aos veículos.

  3. Assim de repente vejo que a freguesia que mais kms de Estrada tem nåo está contemplada, Estranho que estejam todas en boas Condiçoes!!!….

  4. Estradas Municipais em péssimo estado na zona de Alpedriz/Ribeira do Pereiro/Rebotim

    Há mais de 24 anos que não se faz nada para melhor as estradas municipais de acesso a Alpedriz, concelho de Alcobaça. A ligação a Ribeira do Pereiro com também para o lugar Rebotim até a localidade da Póvoa de Cós encontra-se em péssimo estado, mais parecendo um caminho que uma estrada no século XXI. Passam os tais anos a tapar os buracos nas vias, na maior parte das estradas municipais e ponte que faz ligação a localidade de Alpedriz faz falta o seu alargamento, e porque não criar uma ciclovia? Mas a estrada municipal nº 1294-1 da Ribeira do Pereiro à Alpedriz tem outras ligações de caminhos para a Ferraria de Alpedriz/Nó 23/N242-4 da A8, ETAR de Pataias/Alpedriz e Matas de Infestas. Tal estrada passa junto do novo parque de merendes na Ribeira do Pereiro, e agora nas entradas da localidade de Alpedriz o Parque de Lazer Nascentes das Loureiras/praia fluvial, uma de muitos potencialidades para dar, zona pedonal, canoagem e bar (…) Uma das questões principais prende-se com a necessidade de quebrar o divórcio entre freguesias e a sede de concelho. E uma das formas de quebrar esse divórcio é criar bons acessos a Alcobaça. Alpedriz poderia ter grandes possibilidades de crescer a nível turístico. Não estamos preocupados com a criação de empresas deste ou daquele ramo. A nossa posição geográfica podia perfeitamente ser aproveitada, assim como a nossa beleza natural. A praia fluvial, a ponte romana, a igreja matriz, o túmulo do período neolítico, a capela de Santo António… Tanta coisa que nós temos que podia ser divulgada e aproveitada. Não se entende como é que uma freguesia como a nossa tem os acessos tão maus como tem, qualquer pessoa que nos visita se interroga. Depois há outras situações que se prendem com a falta de capacidade de resposta da Câmara de Alcobaça “Terra da Paixão”. Alpedriz sofre o que as outras freguesias estão a sofrer. Há a tendência para dizer que o concelho de Alcobaça é um oásis, mas é mentira. Temos problemas muito grandes de desemprego no nosso concelho, basta olhar para as fábricas a fecharam. Não podemos esconder a pobreza envergonhada. Alpedriz além de ter pessoas bastante idosas, também sofre com o desemprego. Tivemos a instalação de uma empresa há uns meses que criou alguns postos de trabalho, mas não chega. Há uma coisa que temos defendido há muitos anos: a criação de pequenas bolsas industria. E no caso concreto de Alpedriz, dada a sua localização geográfica, era evidente que era necessário fazer-se. Até fizemos a proposta do local, junto da A8, e não se resultou absolutamente em nada. Esta freguesia necessita de muito melhores acessibilidades e ainda espera de muito melhores acessibilidades e ainda espera até hoje o tal parque industrial e empresarial na Ferraria de Alpedriz na zona do Nó 23/N242-4 da A8, e o tal parque ambiental de Alpedriz! Tem também encontra um entroncamento perigoso ‘que poderia construir uma rotunda’ na estrada municipal 549, na zona da Ribeira do Pereiro, Alcobaça-Pataias!? Um tempo para cá este jornal não gosta o nome de Alpedriz, e gosta mais de Coz!? Porque Será!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found