Região. CTT “promete” reforçar supervisão na distribuição do correio

Desde há anos, O ALCOA recebe queixas dos seus leitores, sobre atrasos ou extravios na entrega do jornal e de outra correspondência, situação que motivou o jornal reunir um grupo de voluntários que distribuem o jornal na cidade de Alcobaça.
Os atrasos são particularmente reportados nas freguesias de Cela e de Valado dos Frades. Situação que os CTT reconhecem, admitindo a existência “de alguns constrangimentos na distribuição de correspondência, no final de 2020 e início de 2021, nas zonas identificadas, justificados, em grande parte, pela pandemia”, disse a empresa a’O ALCOA, garantindo “já terem ultrapassado esse problema” e relembrando “que não são o único operador postal responsável pela distribuição de correspondência na referida área”.

 

Saiba mais na edição impressa e digital de 18 de fevereiro de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found