Cultura

Alcobaça. Manuel Castelhano homenageia irmão em livro

Manuel Castelhano (1)

“O Padre Aníbal deixou marcas indeléveis como só podem deixar aqueles homens autênticos que são aquilo que parecem e parecem aquilo que são”. Assim se refere D. Virgílio Antunes, Bispo de Coimbra, ao Padre Aníbal Castelhano no livro “Servir com Alegria”, que lhe dedica o seu irmão gémeo, Manuel Castelhano, antigo presidente da Cooperativa Agrícola de Alcobaça.
O livro, que será lançado a 9 de novembro, na terra de Aníbal Castelhano, Seixo, em Mira, reúne vários testemunhos, a par do principal narrador: seu irmão, Manuel Castelhano, que continua com uma presença muito ativa em várias instituições, como membro dos Órgãos Sociais da Confederação dos Agricultores de Portugal, da Comissão Instaladora do Museu Nacional do Vinho e dos Conselhos Gerais da Escola Agrícola e do Agrupamento de Escolas de Cister.

(Saiba mais na edição impressa e digital do jornal O ALCOA de 31 de outubro de 2019)

Outras notícias em Cultura