Carapau seco da Nazaré a caminho da certificação

Foto por Catarina Reis

O carapau seco como inspiração deu o mote para a viagem dos saberes e sabores do Projeto Endògenos, que no dia 3 de maio, levou cerca de 50 pessoas numa visita cultural e enogastronómica pela Nazaré, onde os convidados principais foram, os produtos endógenos da região. “O objetivo é pegar num produto único de cada terra e torná-lo mais versátil, confecionando-o com diferentes interpretações”, explicou Nuno Nobre, um dos responsáveis pelo projeto, enquanto se degustavam pratos tão variados como o “Carapau Mar & Terra”, composto por carapau, salicornia, tremoços, amendoim, mel e hortaliças, ou a combinação de uma “Sinfonia do Oeste”, com couves, peras, carapau, nêsperas, amendoim, mel e maçãs, da autoria da Chef Executiva Ana Pereira, com a coordenação do Chef António Alexandre.

(Saiba mais na edição em papel de 15 de maio de 2014)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Candidaturas abertas

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

Alcobaça. Biblioteca convida à conversa com…

10 Abr | Sáb | 11:00

online

Encontros em Rede: Reimaginar os Museus a 26

05 Abr | Seg | 15:00

Página de facebook da Rede Cultura 2027