Opinião

Banner_AfonsoLuis

Estradas

Escrevi aqui uma vez que a única via moderna que serve Alcobaça é o IC 9, ligando a Nazaré a Tomar. A Estradas de Portugal dá-nos a sensação de não atribuir grande importância à nossa cidade. Vejamos porquê. Aquela via, o IC9, é a mais rápida e funcional que liga tanto Alcobaça como a Nazaré ao Santuário de Fátima. E é sabido que muitos turistas estrangeiros que visitam a Nazaré e a sua belíssima praia, e também Alcobaça e o seu imponente Mosteiro, se deslocam frequentemente a Fátima. A estes, e a todos nós, cidadãos do país, depara-se uma estrada cheia de remendos e com um piso miserável, ligando o IC 9 ao santuário.
Também os automobilistas que circulam na A8, sentido sul norte, têm, próximo das Caldas da Rainha, uma indicação de Alcobaça a 26 Km e, dois quilómetros e poucos metros à frente, uma outra indicação de Alcobaça a 35 Km. Parece que estamos a andar para trás…
A nossa cidade apresenta ao visitante uma sinalização bastante boa do ponto de vista do burgo em si. Já quanto às saídas para o exterior há duas falhas notórias: ir para a Nazaré pelo IC9 é só para quem sabe, pois o respetivo sinal aparece apenas à entrada da via – noutros pontos da cidade… nicles. Por outro lado, a sul, a direção de Turquel nunca aparece, apenas a da Benedita. Ora, cidades, vilas e aldeias têm, por esta ordem, prioridade na sinalização. Sendo vilas ambas as localidades, Turquel e Benedita, não se compreende que apenas uma seja sinalizada.
Admitindo que os aspetos focados sejam da alçada da Estradas de Portugal, o município poderia, em alguns casos, sugerir a intervenção daquela entidade. No caso da estrada que liga o IC9 a Fátima, sendo a Câmara de Ourém a principal interessada, seria importante que Nazaré e Alcobaça se empenhassem, juntamente com Ourém, numa justa reivindicação ao poder central para que aquela via oferecesse um piso minimamente aceitável. É que está em causa o turismo, religioso e não só, de toda a região.

Outras notícias em Opinião

  • Lista de compras: uma tarefa para o seu dia

    A população portuguesa, e não só, está a passar por um período extremamente difícil e sensível. A saúde, bem como a saúde, estão em risco.…

  • O que posso fazer para me sentir melhor de quarentena em casa?

    Caro leitor, cara leitora, Durante os últimos dias, tem sido visível a quantidade de notícias que surgem nas televisões e nas redes sociais, sobre o…

  • Testemunho. Uma jovem fala como vive a atual quarentena

    Acho giro como o mundo lá fora anda tão silencioso, as pessoas tão bem-educadas e reservadas. Mas basta um suspiro, um sorriso, um olhar para…

  • Televisão em Alcobaça no início das emissões

    A televisão começou a funcionar regularmente em Portugal em 1957. Mas já há algum tempo se falava do início das emissões, e até se dizia…

  • Nas ruas desertas de Roma

    A imagem tem a força de um filme épico: Francisco caminhando pelas ruas desertas de Roma, para rezar pela cidade e pelo mundo. Saindo a…

  • Papagaios, abutres e gente boa

    As calamidades trazem sempre à tona qualidades e defeitos das gentes que as vivem. Aquela em que nos encontramos já nos “revelou” que há na…

  • Editorial. Extraordinários

    Neste 2020, em cada edição, pessoas extraordinárias em algum aspeto da sua vida, com ligação à nossa região. Os extraordinários desta vez são obviamente os…

  • “Una e santa”

    Pelo menos na Eucaristia de Domingo, no Credo, os católicos confessam que confiam na Igreja una e santa mas, perante a quantidade de protestos que…

  • Vamos açambarcar

    Está aí o Covid-19. Como tantas outras alturas de ameaça de crises, vamos lá a açambarcar. Dei por isto na passada semana quando fui ao…

  • Editorial. Extraordinários

    Neste 2020, em cada edição, pessoas extraordinárias em algum aspeto da sua vida, com ligação à nossa região. Os extraordinários da nossa região são do…