Economia

Évora de Alcobaça. Uma tasca com sabor a comida tradicional e familiar

negocios_2417

Nome: A Tasca do Chefe
Localização: Évora de Alcobaça
Contactos: 262 507 101 / 915 568 114 email: atascadochefe@gmail.com
Morada: Rotunda de Évora de Alcobaça, rua das Eiras Velhas, nº 7A
Facebook: https://www.facebook.com/alexandra.tasca.7
Horário de Funcionamento: domingo a sexta (7h00 às 22h00)
Empregos criados: 3 a tempo inteiro e 1 a meio tempo

O restaurante “Tasca do Chefe”, situado na rotunda de Évora de Alcobaça, é a concretização de um desejo de Paulo Baptista, de 50 anos, e de sua esposa Maria Eliana Baptista, de 46. O casal, que se mudou de Lisboa para Évora de Alcobaça, decidiu abrir um espaço na localidade, tendo a ideia surgido depois de um passeio pela região, em abril. O gosto pela atividade da restauração, pelo contato com as pessoas e pela tranquilidade do meio rural ditaram o resto.
Num ambiente simples, informal e despretensioso, a tónica da sua confeção gastronómica centra-se na comida familiar e tradicional, com pratos que vão desde os grelhados de carne: frango, coelho, bifes de vaca e de porco, até à feijoada à transmontana ou ao cozido à portuguesa. Ao almoço de domingo, “muito concorrido” como conta Maria Eliana Baptista, também merecem atenção o peixe: dourada, pescada, a típica sardinha ou o tradicional bacalhau. “Tudo pratos que saem bem, especialmente aos almoços”, acrescenta Paulo Baptista. E é justamente o almoço que o gerente destaca também pelo facto, garante, de oferecerem “o preço mais baixo da região: 7,5 euros pela refeição que inclui bebidas e café, com exceção da sobremesa”.
Quanto à procura, enumera Paulo Batista, “os nossos clientes têm sido, desde que abrimos portas a 23 de agosto, essencialmente turistas que passam por aqui, mas como abrimos às sete horas da manhã, temos muitos trabalhadores; agora que andam na apanha da fruta e outros que trabalham na agricultura param aqui para beber o seu primeiro cafezinho da manhã”.
A casa está aberta todos os dias, exceto sábados. O almoço é a refeição mais concorrida, mas também vendem comida confecionada para fora e servem jantares, em que têm “tido alguma procura especialmente para grupos”, explica o proprietário.
Nas palavras de Paulo Batista, “somos um restaurante simples, com boa comida, num espaço onde valorizamos o cliente, fazendo com que ele se sinta em casa”.
Um lugar que convida a quem procura uma refeição familiar, acompanhada por dois dedos de conversa e servida pela simpatia de Maria Eliana e Paulo Baptista.

Comentários (1)

  • José Trindade - 2 de Novembro de 2017, 16:38

    Ainda não tenho o prazer de conhecer o vosso estabelecimento.
    Quando voltar a Alcobaça, prometo-vos, irei provar as vossas
    especialidades.
    Porém, costumo comprar enchidos com a marca “Tasca do Che-
    fe”, de Evora de Alcobaça. Trata-se de um produto do vosso fa-brico?
    Com os meus cumprimentos e votos de progresso,

    José Trindade

Outras notícias em Economia