Atual

Inovação. Alcobacense abre centro de investigação alimentar

IMG_1967_cmyk

Fazer fiambre e queijo a partir de plantas, sem leite e sem carne? “Sim, é possível”. A resposta dá-nos o alcobacense Daniel Abegão, fundador e responsável pelo Centro para a Formação e Investigação Alimentar (CFER, em inglês, Centre for Food Education and Research).
É a «cozinhar» no laboratório da empresa, em Alcobaça, que, desde dezembro de 2018, com a sua equipa, otimiza ou cria novos produtos. Alimentos e bebidas para clientes, em Portugal e no mundo.


Daniel Abegão conta que o projeto “arrancou há cerca de dois anos, na perspetiva de fazer formação na área alimentar”. Uma aposta, que o jovem de 27 anos, formado em Bioquímica, referencia “como o pilar do projeto e que continua a ser uma atividade importante na empresa”.

 

(Saiba mais na edição impressa e digital do jornal O ALCOA de 3 outubro de 2019)

Outras notícias em Atual