Testemunhos. Empresas de Alcobaça divididas com programa IVAucher

O ALCOA foi procurar saber qual a adesão das empresas de restauração, de hotelaria e de cultura, da região, ao IVAucher. A opinião dos comerciantes divide-se entre os benefícios e o acesso ao programa do IVAucher.

“Aderi ao IVAucher no restaurante António Padeiro e na Pizzaria Fiori di Zucca, porque não é uma boa coisa para os restaurantes. Sinto as pessoas a fazer reservas e a perguntar se temos o programa. A partir do momento em que as pessoas têm a oportunidade de reaver o dinheiro, veem. Eu também já o fiz”.

FRANCISCO VENTURA
Restaurante António Padeiro
R. Dom Maur Cocheril

“Estamos inscritos no programa do IVAucher. Neste programa, o cliente é que tem de fazer a gestão dos seus impostos. Admito que estes descontos vão beneficiar os consumidores finais. Não sei em que beneficia os comerciantes”.

LUÍS ARCANJO
A Cartilha Papelarias & Livrarias, Lda.
Rua de Olivença

“Ainda não aderimos, mas queremos instituir o IVAucher. Acaba por ser uma mais-valia. As pessoas podem vir mais vezes ao nosso estabelecimento, por termos aplicado esta medida. Contudo, os consumidores não perguntam pelo IVAucher, o que acaba por ser estranho, porque é um tema bastante falado”.

NUNO LUÍS
Pastelaria Doces da Carla
Praça 25 de Abril

“Penso em aderir ao IVAucher, mas, primeiro tenho de analisar a situação. Podia haver formas mais simples de dar apoio aos comerciantes, como facilitar o IVA, como é feito em outros países. Apesar de querer aderir, não sinto que os nossos clientes utilizem muito o IVAucher, porque não recebemos muitos pedidos nesse sentido”.

TERESA MACHADO
Restaurante A Casa
Praça 25 de Abril

“Não aderi. Nunca ouvi falar sobre o IVAucher, pensava que era só para os combustíveis. Ainda por cima, tenho tudo antigo, a mim não me vai afetar. Os clientes podem pedir o número de contribuinte, mas até à data, nenhum consumidor abordou esta questão sobre o IVAucher”.

MARIA DE FÁTIMA
Café Cervejaria O Petisco
Rua Professor Engenheiro Joaquim Vieira Natividade

“Não aderimos ao IVAucher porque é um sistema complicado. Havia situações mais simples, como, por exemplo, tirar dinheiro do imposto para fazer um desconto, mas o programa é mais complicado para que haja mais pessoas a não aderir. Também não aprofundei muito. É pouco provável que faça a adesão. Ninguém pergunta pelo IVAucher”.

LUÍS RIBEIRO
Hotel Santa Maria
Rua Doutor Francisco Zagalo

Saiba mais na edição impressa e digital de 28 de outubro de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found