Natalidade. Alcobaça e Nazaré perderam 2.469 jovens nos últimos 10 anos

Neuza Santos
Jornalista Estagiária

Nos últimos 10 anos, o concelho de Alcobaça perdeu 2.064 crianças e jovens com idades compreendidas entre os zero e os 24 anos, uma quebra de -14%, de acordo com os dados dos Censos de 2021 divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística. Já a Nazaré perdeu 405 jovens, o que representa menos -11%. No total, há menos 2.469 jovens a habitar na região.

Em 2011, nas terras de Cister, viviam 8.282 crianças de zero aos 14 anos, enquanto em 2021, residiam 6.441, o que se traduz numa perda de 1.841 crianças e um decréscimo de 22%. Já em 2011, residiam no concelho de Alcobaça 5.995 jovens de 15 a 24 anos, enquanto, em 2021, eram 5.772, uma quebra de 4%. Esta situação significa uma perda de 223 residentes desta faixa etária. Assim, há saída de jovens e uma acentuada quebra da natalidade, visível entre o grupo etário até aos 14 anos.

A’O ALCOA, a Câmara Municipal de Alcobaça afirma apoiar “até 250 euros por cada criança registada como natural do concelho, sob a forma de reembolso de despesas elegíveis realizadas em estabelecimentos comerciais do concelho”. O município invoca ainda 18 medidas de ação social como forma de “apoio a nível de habitação, educação e despesas de saúde”, entre as quais se destacam a “redução do IMI em função do número de dependentes e o apoio no transporte escolar”.

Saiba mais na edição impressa e digital de 26 de maio de 2022.

Neuza Santos
Jornalista Estagiária

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found