Opinião

2502_capa

“O Amor nos Tempos de Cólera”, de Gabriel Garcia Márquez

Falo de “O Amor nos Tempos de Cólera”, de Gabriel Garcia Márquez, obra literária publicada pela Dom Quixote, em 1988, e adaptada ao cinema pelo realizador Mike Newell, em 2007, com a participação da nossa querida Fernanda Montenegro, excelente atriz brasileira que tão bem conhecemos.
É uma história de amor, cheia de magia, que decorre na cidade portuária do Caribe, entre finais do século XIX e princípios do século XX. Florentino, um jovem rapaz com a profissão de telegrafista, apaixona-se por Fermina, quando entrega cartas ao seu pai. Iniciam uma assídua correspondência que dura dois anos, até que Florentino a pede em casamento. Ela aceita, mas Lorenzo, o pai da jovem, intervém no relacionamento, pondo termo ao mesmo.

 

Saiba mais na edição impressa e digital de 4 de fevereiro de 2021.

Outras notícias em Opinião

  • Editorial. Populismos regionais

    “O homem é o homem e a sua circunstância”, defendeu sabiamente Ortega y Gasset O meu pai nasceu e cresceu no Alentejo. Concluída a 4.ª…

  • O preço da santidade

    O Papa Francisco deu um passo decisivo para a canonização do Prof. Jérôme Lejeune, o mais importante geneticista do século XX, com o decreto de…

  • Os Idosos

    Nota Prévia: Este texto foi escrito a 14 de Abril 2019. Aparentemente pouco mudou, apenas a Eutanásia já foi aprovada na Assembleia da República. É…

  • Desabafo de um médico

    Diretor Clínico do Instituto Português da Face revela situação lamentável do plano de vacinação contra a Covid-19 No Instituto Português da Face, estamos focados nas…

  • Positivo e negativo

    Positivo e negativo… todos os dias ouvimos, vezes sem conta, estas palavras. Positivo e negativo… todos os dias vimos imagens, vezes sem conta, que nos…

  • José Eduardo Oliveira. Um homem bom e alcobacense profissional

    Há tempos, depois de uma daquelas conversas “vadias” mas importantes, em que se fala de tudo e de nada, perguntei ao meu Amigo José Eduardo/JERO…

  • “Milagre na Cela 7”, de Mehmet Ada Öztekin

    Recomendo o filme “Milagre na Cela 7” porque é um daqueles filmes difíceis de esquecer, com uma mensagem profunda e bela, que enaltece a força…

  • “Paula”, de Isabel Allende

    Da vasta obra de Isabel Allende, escritora nascida no Peru, recomendo a leitura de “Paula”, de cariz autobiográfico, originado por uma situação de quase “confinamento”.…

  • Um elemento de arte sacra do Mosteiro de Alcobaça do séc. XV

    Após a Batalha de Aljubarrota, D. João I entregou ao Mosteiro de Alcobaça vários espojos da contenda com os Castelhanos, isto devido ao auxílio militar…

  • Editorial. In memoriam

    José Eduardo Oliveira foi incansável no registo das memórias da sua terra.   É este legado, diria, o mais relevante que Alcobaça lhe tem a…