Pesca. Beneditense ganha medalha ao representar Portugal

“Espetacular” e “incrível” são dois adjetivos que a beneditense Zélia Afonso usa para descrever o facto de ter representado Portugal no Campeonato do Mundo de Pesca Desportiva, realizado em França, de 11 a 18 de setembro.

Praticante de pesca por lazer, há mais de 20 anos, Zélia Afonso, de 49 anos, foi desafiada por alguns amigos para experimentar a pesca desportiva. Desde daí “o «bichinho» da competição desportiva começou a crescer, e nunca mais parou”, confessa Zélia Afonso a’O ALCOA. federou se e começou a participar em competições nacionais e internacionais.

“A pesca desportiva é mais técnica do que a pesca de lazer porque quando uma pessoa está a pescar por lazer, escolhe um sítio na praia e, se as condições não estiverem favoráveis para a atividade, o indivíduo vai embora”, explica a beneditense. “Já na pesca desportiva, há um sítio específico para a pesca e durante quatro horas temos de pescar o mais possível, para assim conseguirmos mais pontos”. Tal foi nas competições nacionais e mundiais. A única diferença é que, nas provas internacionais, “temos uma hora para preparar o material (como abrir canas)”, relata a também comerciante de materiais de pesca. Juntamente com a seleção, constituída por seis pescadoras, Zélia Afonso subiu ao segundo lugar no pódio.

Saiba mais na edição impressa e digital de 30 de setembro de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found