Recordando. Comemoração do 50.º aniversário de Renault “La Estafette des Artistes”

Rui Serrenho

Para comemorar o 50.º aniversário da Renault “Estafette des Artistes” (1972-2022), nada melhor que a atribuição pelo CPAA – Clube Português dos Automóveis Antigos, do Certificado de Automóvel Antigo (Veículo de Interesse Histórico).

Trata-se de um veículo desde sempre ligado a Alcobaça, começando a sua história com a aquisição (em estado novo) pela Fundação Joaquim Matias, entidade de cariz social sediada em Pataias/Alcobaça, com ligação à CIBRA – Companhia Portuguesa de Cimentos Brancos (1944 – 1974), com o objetivo de transportar os filhos dos trabalhadores, que andavam a estudar na Marinha Grande e Leiria.

osteriormente, foi oferecido pelo Comendador Joaquim Matias (1899-1981) ao Centro Paroquial de Pataias, servindo de apoio logístico e transporte de crianças – existirão certamente, em Pataias, pessoas adultas que na sua infância nele terão sido transportadas (seria interessante obter o seu testemunho e quiçá alguma foto).

Veio então à nossa posse, fazendo parte da família desde há 40 anos, tendo sido carinhosamente apelidado de “La Estafette des Artistes”, por ter transportado o Grupo de Teatro Fóquim, que representava espetáculos para crianças, de forma gratuita.

Serviu também para transporte dos instrumentos da Banda “Projecto Dixieland”, nas deslocações para concertos, cujos elementos, sendo ao tempo jovens músicos, são hoje músicos consagrados, como por exemplo os artistas Yamaha, Rúben da Luz (trombonista) ou Sérgio Carolino (Tubista).

La Estafette des Artistes serviu também como apoio de bar, em casamentos.

Saiba mais na edição impressa e digital de 20 de outubro de 2022.

Rui Serrenho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found