S. Martinho. Ruído na vila motiva abaixo-assinados de residentes

Catarina Reis
Jornalista

Há dois abaixo-assinados a decorrer em S. Martinho do Porto, para pôr termo ao ruído provocado por eventos e apelando ao bom senso das autoridades. O abaixo-assinado “Apelo ao Bom Senso” pede para que as autoridades e as instituições que autorizam e regulamentam os eventos procurem um equilíbrio, entre o divertimento e o descanso da população. Referindo todos os eventos que aconteceram no verão em São Martinho do Porto, desde a festa de Santo António ao Triatlo, Liesbeth Vermoesen, a responsável por este abaixo-assinado, destaca que foram “35 noites em que as autoridades não conseguiram controlar o som”, porque não têm equipamentos “para medir os decibéis e que as câmaras deram algumas licenças até às cinco da manhã”. Compreendendo a realização destes eventos, uma residente lembra que a maioria da população precisa de dormir durante a noite e que a terra vive principalmente de turismo: “turismo de família, sénior e residencial”. A moradora questiona: “ao ar livre é tudo permitido?”, então e a “saúde e bem-estar, turismo sustentável e sustentabilidade ambiental; será que a poluição sonora não tem nada a ver?”. Alertando ainda para as consequências dos excessos destas “noitadas” como “a ligação ao alcoolismo, à droga, ao vandalismo e insegurança” apela: “procurem um equilíbrio e respeitem-se, que a praia das crianças agradece.” Este abaixo-assinado já leva mais de 40 assinaturas.

Saiba mais na edição impressa e digital de 29 de dezembro de 2022.

Catarina Reis
Jornalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

PRIMEIRA PÁGINA

PUBLICIDADE

Publicidade-donativos

NOTÍCIAS RECENTES

AGENDA CULTURAL

No data was found